- TIESTOLIVE

Tiëstolive, website for Tiësto fans, 100% without advertising or commissions, just for the pleasure of sharing information, official links for tickets, photos and videos after the concerts, its playlists, its music, albums, compilations coming from legal platforms - since 2009

Tiësto en pleine crise !!!!!

Publié le 5 Novembre 2011 par Tiëstolive in Tiësto articles

199837 222354017808554 100001018717446 649046 4510617 n

Voici un article qu'on peut lire depuis mixmag

datant du 30 octobre 2011.

 

Son agenda est trés chargé, mais malgré tout on y apprends

que Tiësto à une forte baisse de popularité

aux Pays-Bas à cause de son manque de concert en

2011 dans son pays natal.

Les soirées d'Ibiza on rencontré un faible succées, et rien

n'est garantie pour 2011...

Beaucoups reprochent à Tiësto de ne miser que sur le

continent Americain au detriment de l'Europe et Asie

et ceux depuis ces 2 derniéres années ...


par Gonçalo Vinha

 

Article d'origine:


TIESTO E SUAS APOSTAS

O superstar Tiesto vive novos tempos. Embora de agenda cheia,

o DJ vive uma crise. Constatou-se uma queda na sua popularidade

na Holanda, sua terra natal, nem festivais como Awakenings e

o Dance Valley (onde Tiesto era presença anual)

o tiveram em sua programação.

Seus produtores confessaram que mudaram as pressas as

gravações do DVD "Elemensts Of Life" para Copenhagen na Dinamarca

após saberem que o compatriota Armin Van Buuren continua gravando

seus DVDs na Holanda. Os últimos CDs de Tiesto após os estrondosos

sucesso de "Just Be" e "Elements Of Life" despencaram nas vendas

após ele arriscar em parcerias com o

Nelly Furtado, Black Eyed Peas e Blue Man Group.

Suas noites no club Privilege em Ibiza ficaram com lotação pela metade

em parte da temporada 2011 e não está mais garantida para 2012.

Muitos acusam Tiesto de ter focado muito no mercado americano

em detrimento do Europeu e Asiático e isso acentuou a crise nos últimos

dois anos, tanto que mais da metade dos votos de um ranking veio

do mercado americano, situação vivida por Paul van Dyk há 4 anos atrás.

 

Por Gonçalo Vinha

Commenter cet article